AMIGOS3

CARTÃO

amigos 3

CARTÃO

CARTÃO

Google+ Badge

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

LEITURA ORANTE DO EVANGELHO DO DIA PAULINAS IRMÃ PATRICIA SILVA


LEITURA ORANTE
Mc 8,14-21 - Como entender as coisas de Deus?
Posted: 13 Feb 2017 06:01 PM PST

Preparo-me para a Leitura Orante da Palavra,
rezando com todos os internautas e o Salmista:
Restaura-nos, ó Deus:
 faze brilhar a tua face
 e seremos salvos"
 (Sl 80,4).

1. Leitura (Verdade)
 - O que a Palavra diz?
Leio com atenção, na Bíblia,  o Evangelho de Marcos 8,14-21.
Os discípulos haviam esquecido de levar pão e só tinham um pão no barco. Jesus chamou a atenção deles, dizendo:
- Fiquem alertas e tomem cuidado com o fermento dos fariseus e com o fermento de Herodes!
Aí os discípulos começaram a dizer uns aos outros:
- Ele está dizendo isso porque não temos pão.
Jesus ouviu o que eles estavam dizendo e perguntou:
- Por que vocês estão discutindo por não terem pão? Vocês não sabem e não entendem o que eu disse? Por que são tão duros para entender as coisas?  
 Não lembram dos cinco pães que eu parti para cinco mil pessoas? Quantos cestos cheios de pedaços vocês recolheram?
Eles responderam:
- Doze.
Jesus perguntou outra vez:
- E, quando eu parti os sete pães para quatro mil pessoas, quantos cestos cheios de pedaços vocês recolheram?
Eles responderam:
- Sete.
Então Jesus perguntou:
- Será que vocês ainda não entendem? 
Refletindo
O texto narra um momento significativo no processo de incompreensão dos discípulos. Apresenta elementos tomados da tradição: de pães, a referência ao pão único, o fermento dos fariseus e o fermento de Herodes. Marcos aprofunda a advertência de Jesus,  chamando a atenção para a cegueira, a surdez e o coração endurecido dos discípulos que estão preocupados com a falta de pães e não percebem o significado do pão único presente entre eles.
Jesus não está sendo entendido e seguido de forma correta, por influência do "fermento" do sistema cultural da época. Compreender quem é Jesus - o único pão sem fermento -, implica em  seguir o caminho da cruz e realizar sua proposta de partilha com os irmãos.

2. Meditação  (Caminho)
- O que a Palavra diz para mim?
É assim que compreendo quem é Jesus?  Como os discípulos?
Sou capaz de segui-lo também na cruz?
Ou rejeito as cruzes, como me sugere o mundo?
Sigo Jesus partilhando os dons que Deus me concede?]
Meditando
O Documento de Aparecida afirma: "A vida se acrescenta, dando-a, e se enfraquece no isolamento e no comodismo" (DAp 360).

3. Oração (Vida)
 - O que a Palavra me leva a dizer a Deus?
Faço minha a oração de Santa Edith Stein:
Senhor, não és tu o maná,
que passa do coração do Filho ao meu,
comida dos anjos e dos santos.
Ele, que da morte para a vida se levantou,
também a mim ressuscitou para a vida.
Arrancou-me do sono da morte,
e nova vida Ele me dá de dia para dia.
Um dia, sua plenitude inundar-me-á totalmente,
 vida de tua vida
- sim, tu mesmo!

4. Contemplação (Vida)
- Qual o meu novo olhar, a partir da Palavra?
Vou tentar compreender melhor Jesus, hoje,  e para isto fazer algum gesto de partilha.

 Bênção Bíblica 
O Senhor nos abençoe e nos guarde! 
O Senhor nos mostre seu rosto brilhante e tenha piedade de nós! 
O Senhor nos mostre seu rosto e nos conceda a paz!' (Nm 6,24-27 
Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.

I. Patrícia Silva, fsp
patricia.silva@paulinas.com.br

Postar um comentário